Ações da Sabesp em Guarulhos tiram 800 mil pessoas do rodízio em 100 dias

Mais de 50 bairros foram beneficiados e já saíram do esquema de racionamento. Atualmente, 10 obras estão em andamento

As   obras  que  a  Sabesp  vem  implantando em Guarulhos possibilitaram  que 800 mil moradores (60% da população da cidade) saíssem do  rodízio  de  abastecimento de água em um  período  de 100 dias – a Companhia assumiu os serviços de saneamento da cidade em janeiro. Na comparação com dezembro  de  2018,  hoje são oferecidos 500 litros por segundo a mais de água, o equivalente a cinco estações de tratamento do tamanho da ETA Tanque Grande. A meta da Sabesp é garantir o abastecimento para  toda população guarulhense até o aniversário da cidade em 8 de dezembro.

Dentre  as melhorias neste período, a Companhia realizou a interligação do reservatório  de  São Miguel, levando água para a região dos Pimentas e do Reservatório  Gopoúva  abastecendo o Centro, Ponte Grande, Picanço, Parque Continental. Além  disso, aumentou a produção das ETAs Cabuçú e Tanque Grande.  Os  trabalhos  são  uma  parceria profissional e técnica entre as equipes da Sabesp e do SAAE.

Leia Também

Prefeitura entrega novo retorno na Avenida Paulo Faccini

Guarulhos obtém R$ 1,4 mi por transferência do Governo Estadual

Mais de 50 bairros foram beneficiados e já saíram do rodízio. Dentre  eles: Bom Clima, Bonsucesso, Centro, Cidade Aracília, Cidade Seródio, Cocaia, Conjunto  Haroldo  Veloso,  Gopoúva, Itapegica, Jardim Paraventi, Jardim  Tranquilidade, Jardim Bela Vista, Jardim Santa Cecília, Jardim São Paulo,  Macedo, Parque Continental I, II, III, IV e V, Parque Renato Maia, Picanço, Ponte Grande, Santa Mena, Taboão, Torres Tibagy, Vila Augusta, Vila  Barros,  Vila Fátima, Vila Flórida, Vila Galvão, Vila Moreira e Vila Rio.

Atualmente,  10  obras  estão  em  andamento. A Sabesp investe esforços na implantação  da  adutora  de Ermelino Matarazzo e da Cecap/Lavras, além da construção  da elevatória do Parque das Nações, a implantação de uma rede adutora, a Cecap/Lavras, que levará água do Reservatório Gopoúva para o Reservatório São João/Lavras. E já foi licitada a obra para a ampliação do reservatório de Bonsucesso. Outras cinco obras, de menor porte, executadas no sistema de distribuição da cidade completam a lista. A conclusão dessas obras deve beneficiar mais 300 mil pessoas.

Outras  diversas  ações  pontuais  nos bairros também melhoraram a vida da população. São 14 mil serviços executados, como consertos de vazamentos, reparo  de valas e manutenções nos sistemas de água, que reduziram perdas, aumentaram  a  eficiência e contribuem para a diminuição da duração do rodízio.

Mais para você
Comentários
Carregando ...